Feliz Dias das Mães!


Nossa tem teeeeempos que não entro no blog, estou muito sem tempo, mas a partir de agora, prometo que arrumo um tempinho de entrar ;), haha. Então vamos lá!?
 Bom, hoje é um dia muuito especial! O dia das mães! Na verdade, pra mim, dia das mães é todo dia, assim como o dos pais, dos estudantes, etc, etc. Mas, hoje é o dia "marcado" - vamos dizer assim - para comemorar uma das pessoas mais especiais que temos na vida toda: a nossa mãe.
Mãe não é só aquela que nos gera, mas aquela que cuida da gente, também, que dá carinho e está sempre, sempre e sempre ao seu lado para o que der e vier; que seja pra aconselhar, ou pra dar um ombro amigo, ou pra torcer por você, ou pra comemorar com você. Mãe é aquela que acorda na madrugada quando éramos apenas um bebezinho, aquela que passa remédio no nosso machucado, aquela que atura as nossas rebeldias, aquela que está ao nosso lado chorando de felicidade, na formatura, aquela que nos ajuda com nossos filhos, aquela que sempre iremos amar e lembrar. Claro, que mãe é muito mais que isso.
Mãe, na minha opinião, é a base da vida, sem ela você não iria crescer, você não iria nascer. Já parou pra pensar nisso? Sem sua mãe, você não estaria aqui agora nesse momento. Pois é, se não parou, pare e pense! Depois, vai até a sua mãe e da um grande abraço e um beijão nela. Se você não puder fazer isso, pense nela, tenho certeza que ela está sempre contigo, que ela está, nesse momento, com você, não fisicamente, mas nas suas lembranças, no seu coração!
Bem é isso mães, um feliz dia das mães, e que vocês continuam sendo sempre essas pessoas maravilhosas! E ai vai um poema lindo que achei: *u*
Mãe, quem é você?
Maria Helena Gouveia
Mãe, quem é você?
Se estou feliz,
quantas vezes te esqueço;
se estou triste,
quantas vezes te procuro.  


Mãe, quem é você,
que eu critico,
de quem eu exijo coisas tão pequenas
para satisfazer a minha comodidade,
mas a quem peço a maior ajuda
nos instantes mais difíceis?


Mãe, quem é você,
para quem eu tantas vezes
esqueço o meu carinho,
e de quem exijo tanta atenção?


Mãe, quem é você, com que discuto
e para quem peço conselhos?

Mãe, quem é você,
para quem reclamo sempre,
e para quem guardo
o abraço maior e a maior ternura.


Mãe, eu sei,
Você só é... AMOR.

Beijos e até mais, 

Ana Cristina

0 comentários:

Postar um comentário